Competitividade em TI: por que o Brasil não decola?

O Brasil caiu uma posição e ficou no 57º lugar entre 61 países na última edição do ranking de competitividade da escola de negócios suíça IMD, divulgado no final de maio. É a pior posição desde que o ranking começou a ser publicado em 1989. A perda acumulada é de 19 posições desde 2010, quando o Brasil teve seu melhor resultado: 38º.

No levantamento, o Brasil está na frente apenas de 4 países: Croácia, Ucrânia, Mongólia e Venezuela. Até a Argentina nos superou e ficou em 55º. “Esse ano pode ter tido a influência de vários fatores, mas o cenário é de declínio constante”, pontuou José Caballero, pesquisador-sênior do Centro de Competitividade Mundial do IMD. O estudo considerou 340 critérios em 4 pilares: performance econômica, eficiência do governo, eficiência dos negócios e infraestrutura.

Um terço da pontuação vem de uma pesquisa de percepção de executivos, realizada no Brasil pela Fundação Dom Cabral entre janeiro e abril com mais de 200 respondentes. Segundo o levantamento, a má posição do país reflete ao mesmo tempo pioras objetivas pontuais, a perda de espaço relativo na corrida com outros países e também um período interno longo de incerteza e falta de confiança.

“O ano passado foi a primeira vez que o Brasil recuou de nota em relação a si mesmo, e os outros países não estão parados nos esperando”, diz Carlos Arruda, professor da FDC e coordenador do estudo no Brasil.

Para se ter uma ideia, o Brasil ficou em último no pilar “Eficiência do Governo”, com a penúltima posição em critérios como custo de capital, transparência, burocracia, barreiras tarifárias, déficit do governo, regulações de trabalho, finanças públicas e spread de juros. O cenário de crise ética e institucional pelos olhos do empresariado pode ser vislumbrado claramente: também somos penúltimo lugar mundial em percepção de “transparência” e “propina e corrupção”.

Também houve piora sensível no item “risco de instabilidade política” (a pesquisa foi feita durante o desenrolar do impeachment) ao mesmo tempo em que melhorou a percepção de “Justiça”. De acordo com Arruda, isso é fruto de “Operação Lava Jato direto e da percepção nas empresas de que o Judiciário está operando de forma mais independente e eficiente”.

Eficiência dos Negócios

No levantamento, o Brasil chegou a 27ª posição no pilar de Eficiência de Negócios em 2012, mas foi caindo até chegar ao 51º lugar em 2015, onde continuou em 2016. Isso é reflexo de notas baixas em itens que medem produtividade, práticas corporativas e habilidades da força de trabalho. “Para competir em uma economia baseada em conhecimento, você precisa ter esse tipo de fundamento, e o que mais me preocupa no Brasil é a capacidade de inovar. As empresas precisam ser flexíveis e ter estratégias que possam mudar dependendo do momento, além de trabalhadores com habilidades particulares”, diz Caballero.

O crescimento real da produtividade brasileira caiu 12 posições em um ano, de 48º para 60º. A produtividade das companhias e dos trabalhadores continuou na mesma posição: 60ª e 58ª, respectivamente. A questão da competitividade será tema de painel no Rio Info 2016.

Na pauta, entre outras questões, como tornar as empresas nacionais mais competitivas, a competitividade brasileira frente a outros países, os pontos fortes da nossa indústria e as oportunidades de negócios no longo prazo.

Participarão do encontro vários especialistas da Softex, entre eles, Carlos Alberto Leitão, diretor de Relações Institucionais; Guilherme Amorim, gestor da área Internacional; Nelson Franco, gerente da Área Qualidade; Reinaldo Marques, coordenador de Investimentos; Virgínia Duarte, gerente da Área Inteligência; e Vitor Andrade, gestor do Programa Start-Up Brasil.

“Por sua tradição, a Rio Info tem se consolidado com um dos principais espaços para o debate de todas as questões relevantes ligadas à indústria de TI nacional e é o palco ideal para uma análise dos desafios e das melhores fórmulas para superá-los”, comenta Carlos Alberto Leitão.

Segundo o diretor de Relações Internacionais da Softex, o painel abordará como cada uma das diferentes áreas da entidade pode contribuir para aprimorar a competitividade da TI brasileira a partir da apresentação de exemplos de sucesso, da análise dos diversos cenários e da prospecção de novas tendências.

“Em um momento de retração econômica como o atual é fundamental que as empresas se relacionem entre si, bem como com as entidades setoriais, de modo a identificar caminhos mais rápidos e mais eficazes que as permitam superar os atuais problemas conjunturais”. Para informações detalhadas sobre a programação do Rio Info 2016 e inscrições visite www.rioinfo.com.br

Fonte: Fenainfo

Publicado em: 06/09/2016 09:00:06

Facebook Twitter Google Plus LinkedIn Whatsapp

Notícias

Setor da construção civil projeta retomada para 2019

Setor da construção civil projeta retomada para 2019

Expectativa é de que os empresários retomem a confiança e alavanquem a economia com novos investimentos.

Megasul comemora 3 décadas desenvolvendo tecnologias para a evolução dos varejistas

Megasul comemora 3 décadas desenvolvendo tecnologias para a evolução dos varejistas

Empresa conta a história do mercado varejista brasileiro e seu compromisso de 3 décadas em ser parte da evolução dos empreendedores do setor.

SEPROSC entrega troféu a HartSystem pelos 25 anos de atuação no mercado

SEPROSC entrega troféu a HartSystem pelos 25 anos de atuação no mercado

Empresa de Blumenau foi uma das primeiras associadas

Construtora paranaense aposta em tecnologia para aumentar produtividade

Construtora paranaense aposta em tecnologia para aumentar produtividade

Para obter maior produtividade e rendimento no mercado, uma construtora, apostou em um software de mobilidade

Tecnologia a serviço da gestão pública e das cidades

Tecnologia a serviço da gestão pública e das cidades

Empresa Catarinense GOVBR desenvolve plataforma que integra o cidadão à gestão pública.

SEPROSC quer ampliar presença em polos de desenvolvimento

SEPROSC quer ampliar presença em polos de desenvolvimento

Vice-presidente apresentou resultados do sindicato em Chapecó

Encerramento do Grupo de Relações Trabalhistas (GRT)

Encerramento do Grupo de Relações Trabalhistas (GRT)

No dia 20/11 aconteceu o encerramento do Grupo de Relações Trabalhistas (GRT) de 2018. Estiveram presentes várias empresas associadas.

NOTÍCIAS DA SUA EMPRESA EM NOSSO SITE

NOTÍCIAS DA SUA EMPRESA EM NOSSO SITE

As empresas associadas podem utilizar nosso site como divulgação de suas ações e produtos.

Aluna do curso de robótica é contratada como menor-aprendiz pela empresa HBSIS

Aluna do curso de robótica é contratada como menor-aprendiz pela empresa HBSIS

Taynara Moraes atua na equipe de desenvolvimento de soluções de vendas

Cesar Bortolini é eleito Empresário Destaque em Tecnologia

Cesar Bortolini é eleito Empresário Destaque em Tecnologia

É uma grande honra receber esse troféu devido a toda a história e importância da Deatec para a região e para nós empresários de tecnologia.

GOVBR lança plataforma inovadora de gestão pública

GOVBR lança plataforma inovadora de gestão pública

Empresa Catarinense desenvolve plataforma que permite o acesso de todos os cidadãos a processos e serviços.

Padrinhos contam experiência com turma de robótica do Espaço de Educação Maker

Padrinhos contam experiência com turma de robótica do Espaço de Educação Maker

Seprosc assumiu os custos com a mensalidade para os filhos de funcionários de empresas associadas

Relatório de Atividades - Julho a Setembro de 2018

Relatório de Atividades - Julho a Setembro de 2018

O Seprosc preocupado em manter seus associados informados, criou o relatório de atividades, que será enviado periodicamente para seus associados via e-mail | Abaixo o  3º Relatório de 2018.

ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA – CONVITE

ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA – CONVITE

Assunto: Andamento das negociações da Convenção Coletiva de Trabalho 2018/2019.

ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA – CONVITE

ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA – CONVITE

ASSUNTOS: Andamento das negociações da Convenção Coletiva de Trabalho 2018/2019; Assuntos Gerais.

Campanha viabiliza compra de equipamento para Hospital Santo Antônio

Campanha viabiliza compra de equipamento para Hospital Santo Antônio

Nasofaringolaringoscópio vai auxiliar em exames para detecção de câncer na cabeça e no pescoço

Presidente do Seprosc é destaque em entrevista para o Santa

Presidente do Seprosc é destaque em entrevista para o Santa

João Luiz Kornely conta sobre a importância da atividade parlamentar na construção das reformas e melhorias que o Brasil precisa

Formatura de alunos de robótica apoiados pelo SEPROSC

Formatura de alunos de robótica apoiados pelo SEPROSC

Uma das alunas já foi selecionada para trabalhar como menor aprendiz em empresa de TI

Santa destaca parceria entre a TI e as empresas têxteis

Santa destaca parceria entre a TI e as empresas têxteis

História das empresas de tecnoloogia está ligada ao setor têxtil

DOAÇÃO DE COMPUTADORES PARA CÁRITAS DIOCESANA

DOAÇÃO DE COMPUTADORES PARA CÁRITAS DIOCESANA

A Associação quer instruir seus associados (imigrantes haitianos em busca de empregos na nossa região) no campo da TI

IFC promove consulta pública para novo curso de Ciências da Computação

IFC promove consulta pública para novo curso de Ciências da Computação

Instituição planeja abrir a graduação em sua unidade de Blumenau

Jornal destaca apoio do setor de TI a pessoas com deficiência

Jornal destaca apoio do setor de TI a pessoas com deficiência

SEPROSC foi um dos patrocinadores de curso gratuito de formação

O empresário Edgar Serrano é o novo presidente da CONTIC

O empresário Edgar Serrano é o novo presidente da CONTIC

Entidade reúne mais de 75 mil empresas, incluindo as operadoras de telecomunicações, com 2 milhões de trabalhadores

5ª edição da Pesquisa de Remuneração do setor de TI de SC

5ª edição da Pesquisa de Remuneração do setor de TI de SC

Começou na segunda-feira (16/07/2018) o período de preenchimento da pesquisa de remuneração e benefícios do setor de TI.

Empresas de software geram vagas de emprego em SC

Empresas de software geram vagas de emprego em SC

Setor de TI em SC conta com mais de 47 mil funcionários e representa 5,6% da economia

Associada HBSIS faz doação de computadores à entidade assistencial

Associada HBSIS faz doação de computadores à entidade assistencial

Associação beneficente fez solicitação de equipamentos ao SEPROSC

2º RELATÓRIO DE ATIVIDADES  DE 2018 (ABRIL A JUNHO)

2º RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE 2018 (ABRIL A JUNHO)

O Seprosc preocupado em manter seus associados informados, criou o relatório de atividades, que será enviado periodicamente para seus associados via e-mail ​Abaixo o 2º Relatório de 2018.

PROJETO INOVAR

PROJETO INOVAR

Nossa proposta é valorizar a inovação de nossas empresas de TI. Todos os associados podem divulgar ou solicitar entrevistas gratuitamente.

Receba as novidades em seu e-mail!



Agenda Seprosc

Agenda Eventos